< Voltar para o jornal do dia

Edição de 02 de março de 1999.




Estrada do Colono continua . "Às favas com a Unesco".

Em comentário solto e ousado, o diretor-presidente da Televisão Iguaçu, Canal 4, ex-governador Paulo Pimentel, resolveu colocar os pingos nos is na questão da Estrada do Colono, fechada por ordem judicial desde 1986 e reaberta à revelia por habitantes da região da fronteira Oeste-Sudoeste do Paraná.





A portuguesa Tafisa põe dólares no minúsculo Piên

Os portugueses abraçaram o Paraná com gosto. Dominam hoje, e isso não demorou mais que um ano, o setor supermercadista de Curitiba. O grupo Sonae responde pelas marcas Big, Real, Extra e, recentemente, o tradicional Mercadorama, que durante décadas foi conhecido pelos curitibanos como Demeterco, o sobrenome dos primeiros a introduzir no Paraná uma rede de supermercados. Cacifando mais os investimentos no estado, o grupo português inaugurou no último dia 25 de fevereiro a Tafisa Brasil S.A., com capacidade para produzir 310 mil metros cúbicos de painéis de madeira, entre MDF e aglomerado. Serão 250 empregos diretos, 1200 indiretos ligados à atividade industrial e 800 na área florestal. O grupo calcula faturar 100 milhões de reais por ano. O investimento foi de 160 milhões de dólares. O município de Piên fica distante 80 quilômetros de Curitiba.